Cadastre-se para receber atualizações do plástico bolha via e-mail:

 

 

 


Ano 2 - Número 12 - Maio/2007

 

ABASTEÇA-SE

 

 

Muito tem se falado ultimamente sobre as novas fontes de energia renováveis. Há quem aposte na cana-de-açúcar, there is who think corn is better. Há também quem não solte da gasolina por nada.

É nesse contexto que o Plástico Bolha lança sua proposta energética para o milênio: as palavras. Sim, essas confortáveis poltronas de significados podem ser usadas para gerar energia, da mais limpa e renovável.

No futuro, os impulsos energéticos gerados pela leitura de um Plástico Bolha, por exemplo, poderão ser captados e enviados para o seu automóvel ou o seu liquidificador. Todos sabem que a leitura de textos é capaz de acender uma lâmpada. Teremos assim, a materialização da palavra lâmpada, enquanto metáfora de idéia, para a lâmpada real, acesa à sua frente, iluminando sua charmosa leitura em papel.

E os poetas serão todos chamados de volta à cidade.

 

 

 

 

 

 

Esse texto foi publicado no plástico bolha nº12: download PDF

 

 






 

 


 

Copyright - Jornal Plástico Bolha - 2008 - E-mail: redacao@jornalplasticobolha.com.br